English

Embraer EMB-120 "Brasília"

Com o sucesso do EMB-110, a Embraer começou um projeto para uma nova aeronave. Dessa vez a aeronave seria maior e pressurizada, baseada no EMB-121 Xingu e teria o nome de "Araguaia". O Embraer EMB-120 foi lançado 1979 com o nome de "Brasília". Quando o primeiro exemplar fez o primeiro voo, já haviam mais de cem encomendas e diferentemente do Bandeirante que iniciou sua carreira no Brasil e só depois foi exportado, o Brasília entrou diretamente em operação no exterior. A companhia lançadora foi a ASA, que recebeu o seu primeiro EMB-120 em outubro de 1985. O EMB-120 atraiu a atenção de muitas companhias regionais americanas que viram o EMB-120 como ótimo substituto para os antigos DC-3 e Convair. O EMB-120 pode carregar 30 passageiros a velocidades superior a 500 km/h e possuí baixo nível de ruído e vibração. A primeira companhia brasileira a operar o modelo foi a Rio Sul, em janeiro de 1988. Depois várias companhias aéreas brasileiras regionais passaram a operar o modelo, que se tornou o mais utilizado por companhias regionais na década de 90.
Outras versões do EMB-120 foram feitas: o EMB-120RT (reduced take-off) - melhorias aerodinâmicas e melhor performance em regiões quentes, EMB-120ER (extended range) - com maior alcance, EMB-120FC (full cargo) - somente para carga, EMB-120QC (quick chance) - facilmente convertido para carga ou passageiro e o VC-97 para o transporte VIP ou militar.
Assim como o EMB-110, o EMB-120 foi um sucesso de vendas, permitindo a Embraer lançar o seu primeiro jato: o ERJ-145.
Com o inicio das atividades da Família ERJ, as vendas do EMB-120 foram caindo. Porém a linha de produção da aeronave ainda não foi encerrada.

Operadores do Brasil: Air Minas, America Air, Interbrasil, Meta, Nordeste, OceanAir, Pantanal, Passaredo, Penta, Puma Air, Rico, Rio Sul, Sete, Tavaj, Total, Trip


BravoAlpha

Origem: Brasil
Produzido: 1985 - hoje
Comprimento:
20,07 m
Envergadura: 19,78 m
Altura: 6,35 m
Peso da aeronave: 7,07 toneladas
Peso máximo decolagem/pouso: 11,5/11,2 toneladas
Capacidade de combustível: 3280 litros
Motores:
2x Pratt & Whitney PW118B
Velocidade de cruzeiro: 555
 km/h
Velocidade máxima: 620 Km/h
Altitude de Cruzeiro: 9,08 km (29,8 mil ft)
Pista mínima para decolagem: 1,42 km
Alcance: 1556 a 1750 km
Passageiros: 20 a 35
Primeiro voo: 29 de julho de 1983
Entregues: 352

Companhia lançadora: SkyWest Airlines
Comparar com outras aeronaves

 

 

Aeronaves Embraer:

EMB-120,   ERJ-135 / ERJ-140 / ERJ-145,   E-170 / E-175 / E-190 / E-195

 

Aviação Comercial